Sete posições para o êxtase

Estava eu, na minha caminhada diária pelos caminhos da internet quando, quase que de surpresa encontro uma artigo assinado pela sexóloga americana Carol Queen. O texto que fala sobre o orgasmo, tinha pontos muito interessantes, assim, resolvi escrever para vocês sobre o que chamou mais minha atenção: As posições.

Segundo Queen, “para chegar lá – no orgasmo, as mulheres precisam de estímulos especificamente nesses lugares, mas eles podem acabar sendo deixados de lado na transa”. Partindo deste principio e lendo todo o artigo descobri que uma boa posição na hora do sexo faz toda a diferença.

Quando você e seu parceiro estão na posição ideal, com certeza, ele vai saber o caminho das pedras e você vai chegar de forma ideal ao êxtase. Este ponto que pode ser alcançados de duas formas na mulher: No clitóris e o ponto G.

No primeiro, eu descobri que ele possui mais de 6 mil ponto nervosos. Meu Deus, 6 mil são muitas terminações – eu sei que você teve este pensamento. Mas relaxa, eu também. O outro ponto, o G, é algo mais esponjoso e que fica dentro da vagina da sua parceira e sua profundidade é de 5 a 7.5 centímentros. Então, para conseguir o orgasmo neste ponto, você homem, precisa acertar o ângulo certo.

Para ajudar vocês, vou dar algumas dicas de posições que descobri andando pelo portal mdemulher.

Aproveitem:

POSIÇÃO 1: COLE NO SEU PARCEIRO

Com as pernas esticadas e afastadas apenas o suficiente para permitir a penetração. Então, faça seu parceiro erguer o corpo, até os quadris dele ficarem alinhados aos seus. Em vez de movimentos de entra-e-sai, vocês devem se mover juntos para frente e para trás, mantendo sempre o clitóris em contato com a base do pênis. Desse modo, o pênis pressiona o clitóris o tempo todo

POSIÇÃO 2: FIQUE POR CIMA

Deite-se por cima do seu parceiro. Depois da penetração, ele deve juntar as pernas ao máximo, e você precisa apoiar-se nele. A idéia é ele ficar lá dentro, apertadinho. Com o corpo colado ao do parceiro e sustentando o peso nas mãos, faça movimentos para cima e para baixo. A vantagem de ficar por cima é ter o controle total da pressão e da freqüência dos estímulos.

POSIÇÃO 3: SENTE NA CADEIRA

Sente-se no colo do seu parceiro, um de frente para o outro. O principal é que você possa apoiar os pés no chão, já que vai comandar a brincadeira. Experimente movimentos de sobe-e-desce, vaivém, ângulos diferentes, balanço, rotação, fazer o “8” com os quadris. Idéias não vão faltar. E, para que a penetração seja bem profunda, seu homem deve segurá-la pelo bumbum e puxá-la contra o corpo, como se nunca mais fossem desgrudar um do outro.

POSIÇÃO 4: EXPERIMENTE A COLHER

Deitados de lado e abraçadinhos, puxe a perna de cima dele para entre as suas e, depois da penetração, pressione o seu bumbum contra o seu parceiro. Depois, guie as mãos do seu parceiro até o clitóris e mostre como ele deve tocá-la e excitá-la. As mãos dele podem explorar seu corpo todo. E você vai ajudá-lo a encontrar o caminho para os pontos que lhe dão mais prazer. Essa também é uma posição confortável, ideal para uma longa sessão de sexo.

POSIÇÃO 5: TENTE UM CACHORRINHO DIFERENTE

De bruços, ele fica ajoelhado entre suas pernas para penetrá-la. Mas depois que ele estiver lá dentro, deslize o corpo até se deitar. Apóie-se nos braços para receber o peso dele e junte as pernas, prendendo o pênis. Fiquem bem colados para o máximo de contato e façam juntos movimentos para frente e para trás – de preferência, bem devagar. Essa variação do cachorrinho garante contato direto com o ponto G.

POSIÇÃO 6: CAVALGUE AO CONTRÁRIO

Seu parceiro deve ficar deitado de costas, com as pernas dobradas e afastadas. Você vai se acomodar sobre o pênis, com muito jeitinho, com as costas viradas para ele (como mostra a ilustração). Depois, é só aproveitar e não esquecer que as mãos dele estão completamente livres para acariciar seu corpo e proporcionar aquela dose extra de prazer. O ângulo de entrada do pênis nessa posição é perfeito para alcançar o ponto G e garantir a um orgasmo daqueles. Além disso, a penetração por trás sempre dá uma sensação de que a gente está fazendo uma coisa proibida.

POSIÇÃO 7: APOSTE NO SOBE-E-DESCE DO ELEVADOR

Coloque um travesseiro embaixo dos quadris, erga as pernas, separadas, e peça para ele se ajoelhar entre elas e penetrá-la. Apóie os calcanhares nos ombros do parceiro. Nessa posição é você quem tem mais mobilidade. Então, cabe também a você ajustar a posição até sentir que está sendo estimulada como deseja. As pernas elevadas fazem o sangue fluir para o quadril, o que intensifica as sensações na região. Além disso, nessa posição o pênis aponta diretamente para o ponto G.

Espero que gostem das dicas e aproveitem para testar hoje mesmo. Eu agarantchio.

E não se esqueça. Quer ganhar R$ 100 em compras no site do Sex Shop Sabor do Amor? Acesse e participe da promoção do Blog Sabor do Amor.

Até o próximo post.

Anúncios

Sobre Thiago Mourão

Jornalista com diploma sempre em evolução.
Esse post foi publicado em Dica e marcado , , , . Guardar link permanente.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s